sexta-feira, 1 de maio de 2009

Para pardais, viver em grupos melhora a eficiência em resolver problemas


Talvez para outras espécies também. As principais e mais conhecidas vantagens de se viver em grupos são a defesa contra predadores e o aumento da eficiência no forrageio. Essas vantagens ultrapassam os custos de se viver em grupos, como o aumento da competição intragrupal. Liker e Bókony, pesquisadores húngaros, publicaram um artigo no PNAS demonstrando que grupos de pardais (Passer domesticus) maiores são mais rápidos e mais eficentes em resolver tarefas (retirar o lacre de uma vasilha para acessar o alimento) do que grupos menores. Isso diminuiria o tempo de vigilânica contra predadores e aumentaria a capacidade de adquirir alimentos. Os autores sugerem que em grupos ocorre maior chance de existirem indivíduos mais habilidosos. Outro achado interessante e que pássaros de origem rural foram menos eficazes na tarefa do que pássaros de origem urbana. Quanto a esses último a explicação dos autores é pouco consistente. PAra ler veja no portal da CAPES ou peça emprestado a nossa cópia: Liker, A. & Bókony, V. Larger groups are more successful in innovative problem solving in house sparrows. PNAS (www.pnas.org.cgi.doi.10.1073.pnas.0900042106).

Nenhum comentário: